Lilith em Touro prepara o terreno para plantarmos beleza

Depois de nove meses de gritaria e correria no signo de Áries, Lilith ingressa em Touro no dia 21 de outubro, às 5h51, no horário de Brasília. É uma freada brusca depois do período de ação, iniciativa e combatividade que vivenciamos. Isso não significa, contudo, que o arquétipo tenha perdido força. Haverá apenas uma mudança de energia para a estabilização do que foi iniciado desde janeiro.

A vida tem sido agredida com muita violência nos últimos meses, mas nossa indignação com isso também ficou visível. Foto de Jeremy Bishop, no Unsplash.

Nos últimos meses, presenciamos diversos acontecimentos que nos indignaram em relação à violência e à opressão do feminino e de minorias mundo afora. Desde os protestos contra a violência policial que os negros sofrem nos Estados Unidos até manifestações que opuseram contrários e favoráveis ao aborto em diversas cidades brasileiras, passando por conflitos com imigrantes em vários países e incêndios que devastaram matas e florestas pelo mundo, os conflitos foram escancarados.

No início de 2020, apontamos como a visibilidade para as demandas de justiça e igualdade para o feminino poderia aumentar com o ingresso de Lilith em Áries, o que efetivamente parece ter acontecido. Haja vista a polêmica que tomou conta das redes em agosto sobre a autorização judicial para que uma menina de 10 anos, grávida depois de estuprada ao longo de anos por um tio, pudesse realizar um aborto para preservar a própria vida.

Mas o que podemos esperar, em termos coletivos, de Lilith em Touro?

Excelência e Beleza

Como já mencionamos em outras oportunidades, Lilith representa a memória genética das sensações intrauterinas, conectadas ao nosso cérebro reptiliano. Em um certo sentido, é um talento em estado bruto, a energia criativa visceral e inconsciente que brota em momentos de prazer e medo.

Em Touro há uma memória da perda, a partir do nascimento. Tamanho foi o carinho e o conforto sentidos no útero, que nada mais alcança isso ao longo da vida. Com Lilith em Touro podemos, paradoxalmente, nos sentirmos como Eva ao ser expulsa do paraíso: éramos felizes e sabíamos.

O calor do útero materno é inigualável para Lilith em Touro, que busca a excelência, a perfeição e o conforto. Foto de Janko Ferlic, no Unsplash.

Em um certo sentido, isso pode nos levar a buscar esse ideal de extremo de segurança, prazer e conforto incessantemente. O que pode fazer com que nos privemos de alguns prazeres cotidianos, pois não iremos nos contentar com pouco.  

Excelência e beleza são os desejos mais profundos de Lilith em Touro. Como a Lua Negra pode significar um ponto de frustração e um fator de inversão, podemos substituir a qualidade pela quantidade. Por acharmos que não temos o suficiente, a acumulação compulsiva – de qualquer coisa ou situação que nos traga a sensação de satisfação – é um risco bem real.

Segurança e Conforto

A presença de Lilith em Touro pode potencializar a questão de viver bem com uma busca impossível da perfeição e do prazer. Isso nos leva a uma rigidez extrema, especialmente em relação à sexualidade. Frustrações, resistência ao orgasmo, baixa libido podem ser consequências do posicionamento natal ou do trânsito, especialmente se ele atingir a Casa 5 ou a Casa 8 de um mapa natal.

Por outro lado, nossa energia vital e criativa pode ser direcionada para trabalhos árduos de criação ou que envolvam os sentidos: culinária, pintura, escultura, música, dança, escrita. Um dos grandes talentos da Lilith taurina é a força de vontade, especialmente para atividades que exijam contenção, retenção ou dar forma às coisas.

Eternamente insatisfeita com o que possui, pode não perceber seus próprios talentos e qualidades. Nesse sentido, quer o que não tem e tem o que não quer. A sombra desse posicionamento é a necessidade exacerbada de segurança e estabilidade. A pessoa com Lilith em Touro pode sentir um medo constante da escassez e se preocupar exageradamente com a própria comodidade, a fim de sentir-se segura.

Segurança e estabilidade são os desejos mais profundos de Lilith em Touro. Foto de Alvin Mahumudov, no Unsplash.

Se conseguir enfrentar a crença de que o mundo não é seguro, pode explorar sua habilidade de ganhar dinheiro pelo manuseio do belo e de sua imensa capacidade de trabalho. Exatamente por ser uma trabalhadora incansável, pode criticar os demais por serem preguiçosos ou irresponsáveis, especialmente com as finanças.

Valores Elevados

Apesar da preocupação com conforto, segurança e beleza, aqueles com Lilith em Touro jamais encontrarão satisfação se conectarem seus valores internos apenas com o mundo material, como destaca Delphine Jay (2010). Um sentimento constante de se sentir “pobre” pode levar quem tem esse posicionamento a uma reflexão profunda sobre os motivos pelos quais adquirimos coisas, enxergando os objetos como meios para algum propósito.

Comer, rezar e amar talvez não sejam suficientes para a Lilith taurina, apesar das aparências… Foto de Loan O, no Unsplash.

Possuir ou adquirir coisas pode ser um prazer temporário, mas a gratificação intelectual para a Mente e artística para a Alma serão essenciais. Por representar um ponto de acumulação de energias não utilizadas, Lilith em Touro representa a eterna busca da beleza e da qualidade em tudo o que se faça (Jay, 2010).

Assim, a criatividade estética e intelectual pode trazer grande satisfação e propósito a quem tem esse posicionamento. Há uma admiração pela beleza, pelo equilíbrio e pela excelência, em qualquer área da vida. O plantio será sempre cuidadoso, visando frutos de longo prazo.

A Lua Negra também é um ponto de carisma em nossa Carta Natal. Assim, a casa onde a Lilith taurina está representa um grande potencial de persuasão e de conquista, especialmente a partir dos valores internos elevados que representa. “A estampa da qualidade é a assinatura de alguém com Lilith em Touro” (Jay, 2010, p. 29)

Profundidade para o plantio

No mapa de entrada de Lilith em Touro para Brasília, percebemos que ela está exatamente em cima do Descendente, fazendo oposição ao Sol em Libra conjunto com o Ascendente no grau Zero de Escorpião. Mergulhar nas nossas motivações internas, trazendo nossos desejos à consciência, pode ser uma tarefa importante para o período.

Mapa da entrada de Lilith em Touro para Brasília.

Perceber que nossas necessidades de segurança, conforto e prazer irrefreáveis podem levar a demandas impossíveis de serem satisfeitas nas parcerias também é interessante. E, mais do que isso, é importante perceber que essa exigência constante de qualidade sobre as relações é nossa, não apenas de nossos parceiros.

Com a tripla conjunção em Capricórnio sobre o Fundo do Céu (IC), a área da família também merecerá atenção. Estruturar, expandir e ressignificar nossa história familiar talvez nos ajude a aproveitar melhor essa energia, construindo relações mais profundas e construtivas.

Relevante ainda perceber que a Lua capricorniana está na Casa III, conectando nosso emocional com as formas como nos comunicamos e aprendemos. Talvez seja hora de começar um novo ciclo de aprendizagem, mais próximo dos ciclos e ritmos naturais, mais próximo da intuição enquanto capacidade de apreender o mundo e de nos relacionarmos com os outros.

Vênus em Virgem está na cúspide da Casa XII, mostrando que o trabalho de escrutínio, análise e crítica pode ser feito de forma amorosa e afetiva. Mas precisa ser voltado para o interior. Ou seja, não adianta apenas criticar os outros pela atual situação mundial. Mais útil seria se assumíssemos nossa responsabilidade pelo estado das coisas.

É interessante perceber ainda que os três astros que representam arquétipos do feminino – Lilith, Lua e Vênus – estão em signos de Terra, assim como a tripla conjunção de Júpiter, Plutão e Saturno. Talvez o céu esteja nos dizendo que chegou o tempo de ter cuidado com o plantio, para conseguir uma boa colheita.

Sementes selecionadas

Que tal selecionar bem as sementes que estamos plantando? Obviamente, de nada adianta ter todo esse trabalho de análise se não houver disposição para levar o trabalho até o fim. A busca da excelência, geralmente, não é bem resolvida se apenas exigimos qualidade dos outros, mas não oferecemos nada de volta ao mundo.

Para colher beleza, precisamos selecionar bem o que estamos plantando. Photo by Liana Mikah on Unsplash

Paciência e dedicação ao trabalho do plantio podem ser necessárias agora. Ao invés de exigir que os outros lhe garantam segurança, o que você está fazendo para garantir isso? E como você oferece isso aos outros? Como você colabora para que o mundo seja um lugar mais seguro, bonito e prazeroso?

Onde está a beleza na sua vida? Como ela pode ser cultivada cotidianamente? O que você quer fazer florescer nos próximos meses? O que você está plantando hoje? E o que pretende colher amanhã?

Essas são perguntas incômodas e difíceis, muitas vezes. Podemos aproveitar que Lilith em Touro não tem medo do trabalho duro para, finalmente, colocarmos mãos à obra. O que estamos construindo de belo e agradável em nossa vida?

A energia está no céu. Não sejamos preguiçosos para deixar passar essa oportunidade.

Afinal, Lilith em Touro detesta preguiça, especialmente se isso lhe roubar a beleza tão almejada.

Referências

JAY, Delphine Gloria. Interpreting Lilith. Tempe/AZ: American Federation of Astrologers, 2010. 2ª Edição.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s